Páginas

19 de set de 2011

Pivetta abre Conferência Municipal de Políticas Públicas de Juventude

O prefeito de Votorantim Carlos Augusto Pivetta participou na tarde deste sábado da abertura da 1ª Conferência Municipal de Políticas Públicas de Juventude, realizada no Salão Social do Sesi. O evento conta com a participação da comissão organizadora, das secretarias de Cidadania e Geração de Renda (Seci) e Cultura. Mais de 100 jovens compareceram ao local, motivados para debaterem as políticas públicas de juventude.

A solenidade de abertura contou ainda com as presenças do vice-prefeito Marcos Mâncio; dos vereadores Heber de Almeida Martins, Solange de Oliveira Pedroso e Marilene Newman, além dos secretários de Cultura, Clayton Leme; Cidadania e Geração de Renda, João Soares de Queiroz e Comunicação, Cesar Silva.

Pivetta destacou a importância deste debate para os jovens da cidade, tendo em vista que eles terão oportunidade de se expressar e através disso criar as políticas públicas da juventude, além de cada um defender sua bandeira. “É uma oportunidade para que os jovens tenham vez e voz na sociedade”, disse. O prefeito lembrou ainda aos participantes que a participação nessas ações são de grande valia, tendo vista que entre os temas a serem debatidos estão o desenvolvimento e sustentabilidade.

A Conferência Municipal de Políticas Públicas de Juventude tratou dos seguintes eixos: Direito ao Desenvolvimento Integral: educação, trabalho, cultura e comunicação; Direito ao Território: cidade, campo, transporte, meio ambiente e comunidades tradicionais; Direito à experimentação e qualidade de vida: saúde, esporte, lazer e tempo livre; Direito à diversidade e à vida segura: segurança, valorização e respeito à diversidade e direitos humanos e Direito à Participação.De acordo com o texto base o fortalecimento institucional da política pública de juventude também compreende outras iniciativas importantes do período, que partiram da Comissão Especial de Políticas Públicas de Juventude e compõem o que está sendo chamado de “marco legal” das políticas de juventude.Uma compreensão que também se aprofunda é que a situação da juventude não está descolada do conjunto da sociedade e as políticas de juventude não se concretizam isoladamente das questões gerais que o país enfrenta. Os jovens não pleiteiam somente a resolução de seus problemas, mas a possibilidade de debater a interferir nos debates mais amplos colocados na conjuntura.

Prefeitura de Votorantim - Secretaria de Comunicação17/09/2011 – (015) 3353-8572
 
'A Cultura Pertence as Pessoas'

Nenhum comentário: